quinta-feira, 21 de julho de 2016

Conhecendo sobre Música

    Há evidências de que a música está presente no cotidiano humano desde à Pré-história, como por exemplo, através de artefatos como flautas feitas a partir de ossos de animais demonstrando assim uma simbologia da musicalidade.

     Cada sociedade desenvolveu um tipo de musicalidade, dependendo do modo de pensar e dos valores de cada época, então podemos colocar que a música é uma linguagem que pode ser definida e interpretada de várias formas dependendo da cultura em que foi produzida.

       É através da música que temos o incentivo para alterar alguns mecanismos neuronais e cognitivos fazendo com que tenhamos uma relação diferenciada com a aprendizagem e com a compreensão delas. A música faz com que tenhamos um sentimento de afetividade com o som e o ritmo, que vão nos proporcionando modificações em nosso estado de ânimo e nas relações interpessoais e consequentemente motivando a aprendizagem.
       Mas todos os sons produzidos são musicais?
     Não, o som são vibrações e elas se propagam pelo ar ou por qualquer outro meio de condução, que ao chegar aos nossos ouvidos serão transmitidos ao cérebro para serem identificados., entretanto nem todo som é musical. 
     Como assim?
     Quando este som apresenta uma vibração regular e em uma altura definida temos uma nota musical, como por exemplo quando temos o som de uma flauta, violino, mas quando temos vibrações irregulares com sons destoantes temos ruídos, barulhos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário